opinião

A Era Dispositivo

Steve Jobs em 2010 deflagrou a era pós-pc. Agora a Microsoft fala da era pc+.

Segundo a própria MS a era pc+ foi descrita por Bill Gates ainda em 1999.

Nomes diferentes para a mesma coisa.

Tanto a Apple quanto a Microsoft estão querendo transformar o computador em um dispositivo. Já tentaram fazer o computador pagar de eletrodoméstico com uma “carcaça” nova. Agora o sistema operacional está sendo “simplificado” para se tornar um dispositivo.

Ainda que o Windows 8 tenha o poder do “desktop”, que pode ressurgir quando o usuário quiser, o minimalismo do Metro aponta para tornar a experiência do usuário padrão cada vez mais prazerosa. Talvez a Microsoft esteja nivelando por mais baixo que a Apple. O fato é que ambas estão unificando as identidades visuais para um visual de “dispositivo”.

Por rotas opostas, é verdade. Mas é o mesmo caminho. A Apple juntou o tablet com smartphone. A Microsoft juntou com o PC.

E pensando sobre o caminho que ambas estão trilhando, relembro dos “computadores com finalidade específica”. O roteador que deixou de ser um computador para ser um dispositivo. O scanner de mesa usado como agregado num computador, hoje é um “dispositivo” wi-fi. Media Center que virou Apple TV. E tantos outros exemplos.

Por isso acho que o estamos vivendo a Era do Dispositivo.

Viagem? Ou faz algum sentido?

Gustavo Faria

de um tempo em que a UFRJ formava não cientistas da computação, mas bacharéis em informática e acompanhe as Dicas do Coca.
Close