dicas

Como Instalar o macOS Sierra do Zero

macos-sierra

Antes de começar, tenha certeza que seu Mac suporta o macOS Sierra.

Há duas maneiras. O Método Rápido e o por USB.

Método Rápido

Funciona apenas se você já tiver o macOS Sierra instalado.

Desligue o Mac e ligue-o ao mesmo tempo que pressiona CMD+R. Isso fará com que seu Mac seja iniciado em Modo de Recuperação.

Acesse o Utilitário de Disco, selecione na aba direita “Macintosh HD”, o local onde o OS X está instalado, escolha a aba Apagar e nela o botão Apagar.

el-capitan-clean-apagar

Feche o Utilitário de Disco.

E escolha Instalar macOS Sierra.

Será feito o download e a instalação prosseguirá normalmente.

Método USB

Baixe o macOS Sierra da Mac App Store.

Não o instale, afinal você quer uma instalação limpa, fresh, do zero.

Conecte o pendrive ou disco USB com pelo menos 8GB, abra o Utilitário de Disco e Apague o conteúdo. Use o Nome macossierra, Mapa de Partição GUID e Formato OS X Expandido.

macos-sierra-apagar-usb.png

Abra o Terminal e digite:

sudo /Applications/Install\ macOS\ Sierra.app/Contents/Resources/createinstallmedia --volume /Volumes/macossierra --applicationpath /Applications/Install\ macOS\ Sierra.app/ --nointeraction

sierra-install-createinstallmedia

Será preciso digitar a senha de administração.

O processo é bem demorado. Chega a levar até meia hora.

Pronto. O processo demora um pouco, mas seja paciente e espere.

Você tem um pendrive de instalação do macOS Sierra.

Quando terminar, reinicie o seu Mac pressionando a tecla Option. Isso permitirá que você escolha qual disco de inicialização deseja usar.

Selecione o pendrive que você acabou de preparar.

Acesse o Utilitário de Disco, selecione na aba direita “Macintosh HD”, o local onde o OS X está instalado, escolha a aba Apagar e nela o botão Apagar.

Feche o Utilitário de Disco.

E escolha Instalar macOS Sierra.

A instalação prosseguirá normalmente.

Atualização 20/09/2016

Atualizado com a versão oficial disponibilizada publicamente pela Apple.

Etiquetas

Gustavo Faria

de um tempo em que a UFRJ formava não cientistas da computação, mas bacharéis em informática e acompanhe as Dicas do Coca.
Fechar