opiniãoreviews

Detalhes que fazem a diferença no MacBook Pro

  • Teclado retroiluminado, isso deve ser uma patente da Apple. São raros os teclados com essa função. Quem usa o notebook em ambientes com pouca iluminação, valoriza muito esse teclado. Esse é até um dos motivos que me seguro frente a um MacBook Air;
  • Duração da Bateria, mesmo usando em modo agressive consigo 3 horas na bateria. Isso faz toda a diferença. Se for em uso moderado, consigo até 6 horas. As prometidas 7 horas é muito difícil de atingir com o meu perfil de uso. No demais notebooks, são apenas 1 hora de mode agressive;
  • Teclado, tem umas coisas de design que você nem para pensar. As teclas em geral são em formato de pirâmide, com o topo cortado para o toque do dedo. Como as pirâmides afunilam no topo, você acaba perdendo espaço entre teclas. As teclas no mac dão paralelogramos. Deixando as teclas “maiores” num espaço pequeno;
  • Trackpad largo, a maioria do trackpad são áreas minúsculas. Aqui há quase um punho fechado. Hiper confortável;
  • Trackpad multi-touch, rolar uma página com o uso de dois dedos no trackpad aumenta a produtividade demais. Isso deveria ser um padrão em todos os ambientes;
  • Trackpad sem botão, outro diferencial, todo trackpad é um botão de mouse. E não apenas uma área mínima na parte inferior;
  • MagSafe, conectar o magsafe magnético é muito fácil. Não se fica procurando o lugar de encaixe. E mais, caso alguém tropece no fio, o notebook não vai junto;
  • Tela LED, a definição das telas deixam muito monitores no chinelo. A tela é muito viva;
  • Captação de áudio, impressiona. É muito comum escutar o som de teclas quando converso no skype e alguém digita. Isso não acontece no MacBook Pro. A voz fica ressaltada, com pouco ruído de fundo. Além de ser bem razoável para gravar podcasts;
  • Alto-Falante, estéreo e subwoofer. Outra coisa que impressiona quando lembramos que se trata de um notebook;
  • Drive ótico, ser parecido com o de carro, onde se insere a mídia e não ser uma bandeja que pula, como se o notebook estivesse dando língua é um charme extra;
  • Estrutura unibody em alumínio, não sei precisar se é da estrutura ou se é do alumínio, mas segurar o MacBook Pro transmite segurança. Ele não se verga, dando uma sensação de frágil como nos demais notebooks com estutura plástica.

 

Etiquetas

Gustavo Faria

de um tempo em que a UFRJ formava não cientistas da computação, mas bacharéis em informática e acompanhe as Dicas do Coca.
Fechar