dicasHackeando a Produtividade

Benefícios de Fazer Listas

shutterstock-fazer-lista

imagem via Shutterstock

Esquece qual é o melhor app para Listas, esquece qual é o melhor método de produtividade, esquece essa “briguinha”…

Como falei no Hackeando a Produtividade, o que importa é que você escreva. Essa é a mágica.

Escreva!

Sabe por quê?

A história da humanidade começou com a escrita. Por definição! Antes era pré-história.

O que te difere de um cachorro é sabe o quê? Adivinha!

A escrita!

Podemos até argumentar que é a inteligência, mas cachorros possuem o QI de uma criança de 2 anos. Linguagem? Não é porque os animais se comunicam. Talvez o pensamento abstrato diferencie? mmm… Pode até ser.

Mas a grande diferença é que animais não escrevem. Talvez por uma dificuldade motora, não importa o motivo… O fato é que animais não conseguem passar seu conhecimento para frente através da escrita.

Pela escrita sabemos o que Platão/Sócrates pensou milênios atrás e podemos ter a dupla como nossos mentores hoje.

A maior invenção da humanidade em termos impacto foi a escrita e você para a coisa mais importante da sua vida não utiliza essa invenção?

Por que você não escreve suas metas?

Faça Listas!

Quando você faz listas, você retirar as ideias do seu cérebro e consegue olhá-las. Ou melhor ainda. Olhar para o seu cérebro.

Isso por si só já desestressa. Tira a pressão da cabeça, o medo de esquecer alguma coisa.

Você ganha distância ver o que é importante de fato. E assim consegue priorizar. E planejar.

Você pode marcar o que já fez para ter noção de progresso.

Permite delegar! Se a ideia está na sua cabeça como você vai pedir a ajuda de alguém? Como lidar em equipe?

Claro que Fazer Listas não é a resolução de todos os problemas. Não basta fazer listas é preciso fazer o que está nas listas. Muitos se perdem nas listas.

O iDoneThis diz que 18% das tarefas são completadas em até 1 hora. Isso é um absurdo! Tarefas precisam sem pontuais! Nunca podem levar mais do que 20-30 minutos. Mas depois eu falo disso.

Por isso que na mesma matéria se chega a conclusão de que 41% do que é anotado na lista nunca é concluído.

Há mau uso das listas.

E quando você começar a Fazer Listas vai tropeçar em muitos deles.

E daí? Os benefícios valem a pena.

Etiquetas

Gustavo Faria

de um tempo em que a UFRJ formava não cientistas da computação, mas bacharéis em informática e acompanhe as Dicas do Coca.
Fechar