opinião

Modelo Freemium, o novo vilão

in-app-alexandre-santos-costa

O fato de algumas coisas serem o que são desde “sempre”, não significa que é o melhor ou que precisa continuar assim. Mas tampouco tem que virar o vilão de uma hora pra outra…

Em 2010, a Apple criou o conceito de Compras em Aplicativos, In-app Purchases. Uma possibilidade interessante. Em tese, permite você assinar determinados conteúdos/funções. É como você pudesse montar o aplicativo de acordo com as suas necessidades.

Ou ainda, testar/usar uma versão gratuita e verificando a necessidade de uso incrementar o app. Modelo Free e Premium ao mesmo tempo, Freemium.

Só que nem tudo são flores.

Jogos no modelo Freemium são o templo da perdição para as crianças que não entendem direito e nem leem. Jogos Freemium habitam um área cinzenta… E tudo que habita uma área cinzenta, não pode ser bom.

O problema é que se o pai baixar um app, e passar a iTreco para o filho a “senha” ainda estará na memória. Permitindo as Compras em Aplicativos.

Semana passada a Apple fez um acordo nos Estados Unidos para reembolsar pais que se sentiram lesados. Via de regra, a Apple tem sido solicita em estornar as Compras em Aplicativos. Coisa que ocorreu, como exemplo, com o Coca Alexandre Santos Costa.

Para resolver as Compras em Aplicativos sem precisa digitar a senha, é preciso habilitar a Restrição de Compras em Aplicativos, ou Exibir sempre a senha, em Ajustes -> Geral -> Restrições.

in-app-restricoes

Gustavo Faria

de um tempo em que a UFRJ formava não cientistas da computação, mas bacharéis em informática e acompanhe as Dicas do Coca.
Fechar