opinião

Novo Design, uma nova visão, com os mesmos ideais

apple-destaque

Bem-Vindo, Jonas!


Com o novo Design da Apple podemos perceber que ela agora está com uma nova visão, mas com os mesmos ideais. Ela está mais aberta e ouvindo seus clientes, atualizando o sistemas com características conhecidas e novas. Ela está mais aberta? Seu novo Design foi a escolha certa? Ela está no caminho correto? Muitos acham que não.

Muito se fala sobre o futuro da Apple, se ela continuará sendo a empresa inovadora e quanto tempo irá durar para deixar de integrar a lista das empresas mais valiosas do mundo. Todos especulam que sua queda será tão fenomenal quanto sua guinada, mas esquecem que o processo da Apple chegar onde chegou não foi de uma hora para a outra, mas sim fruto de anos de trabalho, refinamento, reinvenção e foco.

Obvio que eu tenho as minha dúvidas e por isso busco analisar as informações que são divulgadas, separando a especulações estapafúrdias de análises sinceras e previsões coerentes. Desta forma, posso dizer que tenho grandes expectativas para o futuro. Grandes tecnologias e novos mercados serão lançados trazendo novos rumos para os Geeks vibrados em todo tipo de novidades e para as pessoas comuns, alvo principal dos profundos conceitos intelectuais da empresa.

Após a WWDC13, observando a leveza dos apresentadores, as tecnologias apresentadas, os novos Hardwares e a mudança profunda no iOS que é o sistema mais lucrativo para ela, podemos concluir que muitos dos receios apontados por rumores e haters (odiadores) de plantão são, de certa forma, vazios e sem razão.
E é exatamente nesse ponto que, mesmo sabendo do tempo que já se passou da WWDC13 até hoje, compreendo merecer uma análise cautelosa e com uma visão mais ampla das dicas e mensagens deixada pela Apple.

O ponto chave para entender o quanto a Apple está buscando se reinventar e comprometida com a inovação é o Mac Pro que, na minha opinião, é uma verdadeira obra de arte. O comentário do Phil Schiller fala por si só. Devemos deixar claro que temos três lançamentos sequenciais de produtos novos: iPhone 5, iPad mini e agora o Mac Pro. Mesmo assim, todos ficam comentando sobre inovação e o quanto a empresa é segura economicamente. Se uma empresa que lança esses três produtos sequenciais não é economicamente segura, complicado entende o que é segurança para o mercado. Não a toa o Tim Cook mostrou um pouco decepcionado com as ações, mesmo entendendo que a regra do jogo é essa.

Outro lançamento interessante foi o OS X Mavericks, que veio mostrar que a Apple está trabalhando pesado no sistema carro chefe dela. Novos recursos, mais integração e vários ajustes. Novos frameworks vieram para dar um horizonte ainda mais longínquo para os desenvolvedores, aumentado cada vez mais o poder das Apps. Todos os frameworks para jogos, mostram a atenção que a empresa está dando ao setor e praticamente deu um aviso a indústria: estou chegando!

A integração cada vez mais fluida do Mac com o Apple TV torna-se um indício que corrobora completamente para isso.

Os frameworks do Mavericks para Controle de Jogos, chamado Game Controller, o para Jogos 2D, chamado Sprite Kit, trazem para o core (centro) do sistema mil possibilidades de criação de jogos que antes eram muito mais complexos.

Com Sprite Kit, de certa forma, a Apple deu aos desenvolvedores o que o Adobe Flash tem de melhor em fluidez para construir jogos. Ou seja, mesmo tendo um linguagem de programação diferente, a familiaridade com os recursos trarão os programadores de jogos em Adobe Flash de forma muito menos dolorosa, pois minimiza o impacto de uma tecnologia diferente.

Com o Game Controller a Apple trouxe uma simplicidade ímpar para fabricantes de Joystick criarem produtos muito mais integrados ao sistema.

O AV Kit, novo framework de Controle de Mídia, veio para substituir as APIs do QuickTime no sistema, tornando muito mais simples criar controles de mídia, tais como volume e legenda.

Perceba que tudo corrobora para jogos. Imagem, som, características e efeitos comuns e integração fluida com a TV.

Além disso, temos outras tecnologias e recursos (que em breve irei abordar em artigos) que tornam o OS X ainda melhor, mais rápido e mais avançado, mostrando que a Apple compreende perfeitamente que seu sistema é uma extensão do hardware, melhorando-o cada vez mais é levando sua utilização a outro nível.

A maior destaque que a Apple trouxe no evento não podia deixar de ser as mudanças com o iOS 7. Porém, muitos não compreenderam que ali ela não estava apresentando somente uma mudança de interface de sistema, mas sim uma profunda mudança num dos pilares fundamentais dela, o design. E isso vai tão fundo que influência toda a empresa, indo da filosofia adotada para criação de produtos, serviços, chegando até ao hardware, uma vez que o software é sua extensão desse.

Devemos perceber que a Apple mudou muito mais que paletas de cores, mudou muito mais que estilo de design, ela mudou sua forma de ver as coisas, portanto, sua expressão para com o mundo também irá mudar. O iOS 7 é apenas a ponta do iceberg, a cereja do bolo. Toda mudança que a Apple expôs no evento diz: mudaremos a nossa forma de interagir, mudaremos nosso hardware, mudaremos nossos sistemas e nossas aplicações. O OS X e todos seus Apps nativos, o iOS e todos seus Apps nativos, o iWork, o iLife, o Podcast, o Find my friends, o iBook, o iTunes U, o Find my IPhone, o Remote, e todos os outros aplicativos vão ficar com a nova forma de ver o mundo. Com essa perspectiva percebemos o tamanho do trabalho que a Apple está tendo internamente.

Interessante perceber que ao adentrar no mundo flat a Apple se comprometeu em ser mais simples, comunicativa e poderosa, pois é fato que um design flat é muito mais complexo de se utilizar comparado ao esqueumórfico, pois buscar simplicidade com beleza, a comunicação com clareza e a leveza exigida pelo design flat não é fácil.

A Apple tem um dos melhores time de design do mundo. Com o flat ela se mostrou aberta a mudar para o melhor e mais moderno, tornando o iOS uma expressão virtual da beleza do iPhone, que não condizia com o esqueumorfismo e suas texturas madeira, piso, entre outras. O iOS passou a ser simples, poderoso, fácil e uma verdadeira expressão de um mundo digital.

Entendo que a Apple tem muitas surpresas boas em vista e que vamos ficar surpresos com o que ela ainda fará com a indústria. Que venham as novidades e que seja breve.

Fechar