opinião

Qual o Monitor Ideal para mim?

cinema-display-interrogação

Tamanho

A primeira coisa para pensar é no tamanho. Quanto maior melhor não é verdade nesse caso. Imagina uma Tela de 100″ a um braço de distância. Você terá que girar a cabeça para ver toda a Tela. Vai ficar com dor no pescoço.

No máximo 30″. No máximo.

Considere o espaço que você tem disponível. Ao invés de um monitor de 30″, dois de 22″ pode ser uma opção melhor. Se tiver um iMac ou MacBook ficaria 3 telas ao todo. Mac no centro e mais duas, uma em cada lateral.

Eu gosto de colocar o Segundo Monitor em cima da Tela do MacBook, como uma continuidade da tela. Portanto 30″ deixaria o conjunto muito alto, causando desconforto no pescoço para ver a parte superior.

23″ é ideal para mim.

Resolução

Full HD. Não tem discussão, certo? Errado. Full HD é coisa de Televisão. Monitor é outra história.

Vou excluir tela de alta resolução, as 4k, por que ainda não se tornaram uma realidade.

Até 25″… 26″ Full HD(1920×1080). Acima disso busque uma resolução maior. O Thunderbolt Display tem 30″ 27″ com 2560×1440. E claro, resoluções menores para telas inferiores a 20″-22″.

TV

Quem ainda assiste TV?

TV é TV monitor é monitor. Se for para colocar na parede, OK. E se for usar como TV. Se for colocar em cima da mesa tem que ser monitor. A resolução dos TV’s/monitores de 26″ hoje está abaixo do Full HD, embora acima do HD. Até tem alguns Full HD’s, mas não. Resista a tentação de ter um Picture-in-Picture passando TV.

Tecnologia de Tela

IPS. Se não for IPS esqueça. A Tela do iPhone é IPS, o Thunderbolt Display também.

A Samsung tem o seu próprio IPS, se chama PLS.

Quando o monitor não traz escrito IPS ou PLS, é o padrão TN. Que é o tipo mais comum.

TN não é de todo ruim, oferece as melhores taxas refresh e menor tempo de resposta. Mas a profundidades das cores do IPS é muito superior.

Taxa de Refresh

O padrão é 60Hz. É suficiente.

Mas se você for um gamer e sua placa gráfica em um determinado jogo conseguir 120 FPS, saiba que metade deles estão sendo desperdiçados.

60Hz significa 60 atualizações, frames por segundo. E a placa gráfica consegue gerar 120 frames por segundo.

Se quiser jogar em 3D, 120 Hz te faria ter 60Hz para cada olho.

Para o uso cotidiano, 60Hz.

Tempo de Resposta

Quanto menor melhor.

O Tubo CRT tem 12-13ms como tempo de resposta. Entretanto ele muda a tela toda de uma vez praticamente. Não causa o efeito de deixar “rastro”. Um filme de ação numa Tela com alto tempo de resposta deixa a imagem borrada, perdendo definição

Há alguns padrões de medida. O BTB(Black To Black) mede o tempo de um pixel “apagado” virar branco e voltar a ser preto. É a melhor forma de medir. Um bom BTB é 15 ms. 60Hz significa uma atualização a cada 16ms. Portanto não há necessidade de mais do que isso. Se for 120hz, já temos que pensar em 8ms.

Mas o mercado gosta de números pequenos criaram o BTW(Black To White), WTB(White To Black) e o GTG(Grey To Grey). O mais usado é o GTG, mede o tempo de um pixel cinza virar outra cor e voltar ao cinza. Oferece uma boa média do tempo de resposta. A imagem tende a mudar muito pouco. Vocês está lendo esse artigo e houve pouca mudança nas cores dos pixels ao longo do tempo. Quando fechar essa página, ou quando muda a cena de um filme há muita mudança. Mas isso não é regra.

GTG é cerca 3 vezes menor que BTB.

Conclusão

23″-26″ Full HD(ou 4k em alguma momento futuro) IPS 60hz 15ms, para uso diário.

Também considere as conexões. DVI? HDMI? Qual você precisa. HDMI virou um padrão.

Alguns monitores você pode usar na vertical. Isso é interessante para algumas aplicações, para algumas mesas de trabalho.

Há outros que possuem proteção anti-reflexo.

Gustavo Faria

de um tempo em que a UFRJ formava não cientistas da computação, mas bacharéis em informática e acompanhe as Dicas do Coca.
Close