opinião

Já é hora de uma porta USB no iPad?

Longe de querer definir o que a Apple deve ou não fazer. Ela já provou que sabe se virar muito bem e sempre nos surpreender.

Acho a porta USB muito anos 90. Bruta, grande. É um padrão, fato. Mas poucos usuários precisam de uma USB num tablet.

Sem contar que a adoção implica numa espessura mínima compatível com as dimensões físicas da USB. Cerca de 5,1mm. Hoje, o iPad 2, tem já 8,8mm de espessura.

Seria mais fácil adotar uma micro USB, não? E daí a Apple teria ter algum adaptador. Calma aí. O iPad já tem a sua porta USB com adaptador, o dock 30-pinos com iPad Camera Connection Kit.

Acredito que parte do processo de unificação do iOS e do OS X, passa pelos periféricos. O papel do USB é muito importante. Tão importante que que vejo a Apple ampliando o suporte USB. Hoje ela já suporta:

  • câmeras
  • dispositvos de armazenamento
  • teclados físicos
  • dispositivos de áudio

E para isso precisa da porta USB. Mas como conector, opcional. Não integrado fisicamente no chassis. Como é hoje. Talvez um novo dock esteja no horizonte, mas como tudo na Apple será um novo padrão definido por ela. Talvez o Thunderbolt, mas ele é tão espesso quanto uma USB.

As impressoras ficam de fora dessa jogada.  Já existe o AirPrint.

Gustavo Faria

de um tempo em que a UFRJ formava não cientistas da computação, mas bacharéis em informática e acompanhe as Dicas do Coca.
Fechar